O que é o catalisador?

Uma peça fundamental para os carros

terça, 14 de setembro de 2021

O catalisador, que é também conhecido pelo nome de conversor catalítico, é uma peça que encontramos junto ao tubo de escape de um automóvel, ou seja, por baixo dele.

O objetivo do catalisador é a diminuição da emissão de gases poluentes para o ar, através de uma processo de transformação dos mesmos e tem a forma de uma colmeia metálica ou cerâmica.

A transformação é assistida pela presença de pequenas partículas de metais nobres no corpo de cerâmica, fechado pelo recipiente metálico de aço inoxidável.

Desta forma, é percetível a importância desta peça nos nossos veículos: é o catalisador que faz com que seja praticamente impossível que o condutor esteja sujeito ao contacto com gases bastante perigosos para o organismo, como por exemplo, o monóxido de carbono.

Segundo vários estudos e especialistas, o conversor catalítico consegue reduzir a percentagem de gases poluentes no interior do veículo em 90%.

 

Qual o prazo de validade do catalisador nos nossos automóveis?

De acordo com a informação encontrada na investigação da Seguropordias.pt, um catalisador de origem (por exemplo, quando compramos um carro novo em folha) possui uma duração mínima de 80.000 quilómetros.

Assim, o esperado é que um catalisador que tenha percorrido 100.00 quilómetros não apresente danos, ou pelo menos graves, mas, como se sabe, há sempre algumas exceções à regra.

Por isso, existem dois conselhos importantes para aumentar a duração desta peça (ou pelo menos, não gastar mais rapidamente): não circular com o veículo na reserva de combustível e evitar a má carburação.

O catalisador terá maior tendência a aquecer se praticar estas duas ações com bastante frequência.

Por outro lado, substituir o filtro do combustível de forma a proteger o sistema de injeção do carro e, por consequência, garantir uma maior duração do motor, além de substituir o filtro do óleo do motor e fazer uma manutenção constante de todas as peças automóveis, são passos fundamentais para estimar o catalisador.

 

A luz do catalisador do seu automóvel já se acendeu?

Se por acaso não sabia, informamos-lhe que o catalisador (e eventuais problemas neste) no painel de instrumentos está representado com o sinal de uma torneia, e a respetiva luz.

É natural que esta se acenda antes, ou durante, de ligar o carro, visto que o seu automóvel estará frio.

O grande problema existe quando está a conduzir, a meio de uma viagem, e o sinal do catalisador se acende.

Se isto acontecer, o mais provável é já ter percorrido mais de 100.000 quilómetros com esta peça, pois a grande maioria dos casos de avarias no catalisador está, de facto, relacionado com o tempo de duração do mesmo.

Não entre em stress desnecessário, os nervos não são amigos de um condutor.

Mas cuidado! É preciso prestar atenção ao problema: pode ser apenas uma questão de injeção eletrónica, mas pode ser, de facto, uma avaria no catalisador.

Alguns dos “sintomas” de avaria do catalisador são:

- Fraco desempenho do motor do automóvel;

- Consumo de combustível superior ao que é normal;

- Odor estranho (desconfortável) no veículo;

- Disparos acidentais do motor do automóvel (Concentração da gasolina ou gasóleo, que poderão estar a obstruir o catalisador e provocar o mau funcionamento do mesmo e, no pior cenário, fazer derreter partes dele).

 

Problemas no catalisador? Dirija-se rapidamente ao mecânico

Ao sentir algum destes sintomas a manifestar-se, não deve perder tempo!

Dirige-se o mais breve possível ao seu mecânico ou oficina de confiança, ou à marca do seu carro, porque é bastante perigoso para a sua saúde conduzir assim.

Infelizmente, o catalisador é uma peça cara, e, desta forma, preparamo-lo já para despender entre s. 

Este elevado valor está relacionado com a composição desta peça, já que utiliza matérias que não são fáceis de encontrar, tais como a platina, o ródio e paládio.

Contrate o Seguro por dias para o seu veículo em 5 minutos

Agora é possivel fazer um seguro por dias de forma fácil e rápida, totalmente on-line, a partir de qualquer dispositivo.


Quer receber as nossas notícias?

Estas serão enviadas para o seu e-mail para que possa ler quando quiser.

Nunca compartilharemos seu email com mais ninguém.

Eu aceito as políticas de privacidade