Passar uma carrinha para uma autocaravana

O processo é longo mas recompensador

terça, 20 de setembro de 2022

O autocaravanismo está na moda, como já se teve ter apercebido.

Há cada vez mais pessoas interessadas em comprar ou alugar uma autocaravana, tal como diz a ACAP (Associação Automóvel de Portugal). 

De facto, segundo dados da ACAP, em 2021 foi batido o recorde de vendas de autocaravanas (472 veículos) e até ao final deste ano a expectativa é que este valor aumente.

No entanto, outra forma de ter uma autocaravana tem vindo a ficar famosa nas redes sociais, e é precisamente esta que a Seguropordias.pt vem hoje tratar.

Trata-se de transformar uma carrinha em autocaravana, um processo que exige dedicação e cuidado, mas perfeitamente possível.

Existem dois pontos fortes a favor deste processo:

  • Terá uma autocaravana única, com tudo o quer e ao seu gosto;
  • O preço será consideravelmente mais baixo do que comprar uma autocaravana nova.

Se tem uma decisão tomada, se já conhece os prós e os contras da autocaravana, leia este artigo com atenção.

Depois, só tem de pensar bem nos prós e contras de uma autocaravana se lhe compensa comprar uma ou comprar uma carrinha e transformá-la. 

 

Transformar uma carrinha numa autocaravana

Vamos tratar de contar-lhe todo o processo por passos.

Leia-os com atenção.

 

Escolher a carrinha ideal

O primeiro passo é avaliar dentro das várias opções que o mercado automóvel lhe oferece qual é a mais indicada para si.

Esta escolha terá de abarcar:

  • Se pretende uma carrinha nova ou usada (uma usada em bom estado serve na perfeição);
  • O número de pessoas que pretende transportar no futuro;
  • O espaço que pretende ter para cada divisão da autocaravana.

Alguns dos modelos mais pretendidos para este processo são a Ford Transit ou a Mercedes Sprinter. 

A sua escolha é, obviamente, totalmente livre.

Fazer um check-up à carrinha

Este é um dos passos chave para evitar surpresas desagradáveis no futuro. 

Antes ou depois da compra (de preferência antes, se a carrinha for usada), deve levá-la ao sue mecânico de confiança, a fim de ele aprovar o veículo.

Peça-lhe para fazer uma revisão completa.

 

Fazer a planta da sua nova autocaravana

Depois de saber que tem a sua carrinha em perfeito estado do ponto de vista mecânico, é altura de colocar mãos à obra.

Em primeiro lugar, deve fazer uma planta, isto é, planear tudo o que vai colocar na sua autocaravana, desde bancos a camas, cozinha, casa de banho, etc.

O espaço é, como sabe, limitado, por isso, o planeamento é essencial.

Faça todas as medições que achar necessário e, claro está, de forma correta.

Um conselho muito útil é consultar alguém com experiência na matéria, ou, pelo menos, investigar como outras pessoas já fizeram.

A internet pode ser uma grande ajuda nestes casos.

 

Montar a estrutura da sua nova autocaravana

Depois de ter a planta da autocaravana feita, é altura de montar a estrutura.

Tal como na construção de uma casa, deve-se começar pela base. 

Utilize madeiras de boa qualidade, como o contraplacado, e, depois, aplique o verniz.

As medições feitas anteriormente serão essenciais para a conclusão com sucesso deste passo.

Isolar a autocaravana

O isolamento é fundamental para que haja conforto nas viagens da sua autocaravana. 

Não o descure!

Agora, um bom isolamento vai depender do orçamento que tiver.

Estes são alguns dos materiais que pode usar para efeitos de isolamento:

  • Esferovite;
  • Lã de rocha;
  • Espuma expansiva ou espuma autoadesiva.

Mais uma vez, o isolamento deve ser bom e bem implementado, até porque na sua autocaravana vai dormir (por vezes com calor, por vezes com frio), cozinhar, tomar banho, etc.

 

Instalar o sistema da água

Outro passo chave é instalar o depósito da água, que vai servir para abastecer o lavatório e chuveiro da sua autocaravana. 

Este depósito é mesmo o elemento-chave de todo o sistema.

Escolha um com a capacidade que mais lhe convier, podem ir de 20 a 200 litros.

Pense bem nos custos desta fase, serão vários:

  • Depósito de água limpa;
  • Depósito de água suja (costuma ser mais pequeno que o anterior);
  • Bomba de água;
  • Chuveiro;
  • Lavatório.

 

As dimensões dependem do uso que vai dar à autocaravana, bem como a lotação de passageiros.

Preste, também, atenção ao local onde coloca os depósitos, de forma a não ocuparem espaço útil.

Instalar o sistema da eletricidade

Para que tudo funcione na perfeição, o sistema elétrico tem de ser corretamente instalado.

Terá que conectar os eletrodomésticos, luzes, fichas e até alguns possíveis acessórios.

Um conselho: ligue uma bateria auxiliar à bateria da sua autocaravana, para poder ter a potência desejada.

Depois, terá que ter mesmo muita atenção à instalação elétrica, nomeadamente ao que a fios diz respeito.

Muito cuidado com possíveis curtos-circuitos!

Se não possui muitos conhecimentos e experiência nesta matéria, o melhor a fazer será contratar um eletricista.

 

Instalar a cozinha

A cozinha vai depender, mais uma vez, do seu orçamento e da utilização que pretende dar.

Se vai instalar um fogão fixo, se vai ter um campingaz… tudo isto são decisões importantes que terá de tomar.

Em ambos os casos vai precisar de gás, e precisará deste para aquecimento da água e do frigorífico.

O conselho da Seguropordias.pt neste caso vai para a escolha de GPL (que pode abastecer em qualquer bomba de gasolina que o venda) ou Butano (que é mais barato).

Em relação ao frigorífico, deve ter em atenção às medidas rigorosas.

Finalizada a parte da cozinha, faltará instalar a cama e, depois, é só moldar o veículo à sua medida.

O processo é longo, mas, no final, acredite que vai valer a pena.

Terá a sua própria autocaravana por um preço mais baixo e totalmente desenhada por si.

 

O processo de legalização

Não menos importante, mas mais chato, é o processo burocrático de legalizar a sua nova autocaravana.

Deve fazê-lo, já que a multa pode chegar aos 1250€ e pode levar a apreensão da autocaravana e dos seus documentos.

Inclusive, se algum dia a quiser vender, um veículo devidamente legalizado vale muito mais.

Para homologar a sua autocaravana vai precisar:

  • Formulário Modelo 9 IMT;
  • Desenhos do veículo transformado à escala adequada;
  • Memória descritiva;
  • Pedido de aprovação de plano individual de transformação (assinado por um Engenheiro devidamente qualificado);
  • Documento de identificação do veículo (Livrete + Título de Registo de Propriedade ou
    Certificado de Matrícula);
  • Documento de identificação do requerente;
  • Pagar o ISV (terá de o calcular online).

Atenção ao peso: se for superior a 3.500kg, precisará de outra carta de condução para conduzir a sua autocaravana.

Esperamos que este artigo sirva de ajuda para todo o processo e, caso prossiga avançar, desejamos-lhe um ótimo trabalho.

O resultado final vai ser excelente!

As autocaravanas trazem-lhe possibilidades únicas e, ao construir a sua, está a preparar-se para aproveitar as suas viagens ao máximo.

Contrate o Seguro por dias para o seu veículo em 5 minutos

Agora é possivel fazer um seguro por dias de forma fácil e rápida, totalmente on-line, a partir de qualquer dispositivo.


Quer receber as nossas notícias?

Estas serão enviadas para o seu e-mail para que possa ler quando quiser.

Nunca compartilharemos seu email com mais ninguém.

Eu aceito as políticas de privacidade