Avarias criadas pelos pneus

Consequências da falta de manutenção

segunda, 5 de abril de 2021

Costuma fazer a manutenção dos pneus do seu carro?

Com este artigo vai perceber que o deve fazer regularmente, para bem, não só dos quatro pneus, como de todo o seu automóvel.

Neste aspeto específico, a marca e modelo do seu carro são irrelevantes, visto que este tipo de problemas são transversais.

O estado dos pneus influenciam diretamente a tração, a estabilidade do carro, a estabilidade das curvas, os amortecedores, o consumo de combustível e, ainda, o barulho que o carro produz.

Desta forma, todo o conforto que sentimos ao conduzir o nosso veículo, advém do bom estado dos pneus.

Sabia?

A Seguropordias.pt pretende, desta forma, alertar os condutores portugueses para esta preocupação, já que os pneus não são peças automóveis muito caras, mas as avarias que resultam do mau estado dos mesmos poderão ser.

 

Fatores que danificam um pneu

Existem várias razões que degradam as condições dos pneus e, consecutivamente, do carro:

  • A pressão do pneu mal aplicada (valores muitos altos ou muito baixos);
  • O seu automóvel estar parado muito tempo;
  • As travagens desnecessárias;
  • Não fazer a troca de pneus durante muito tempo;
  • As derrapagens;
  • Bater contra passeios.

 

Como se pode perceber, alguns destes fatores estão relacionados com a manutenção que um condutor deve fazer do seu veículo, enquanto outros estão diretamente ligados ao tipo de condução.

Ambos são extremamente importantes e merecem a sua atenção.

 

Avarias que resultam dos pneus

O seu carro poderá sofrer algumas destas avarias, se os pneus não estiverem nas devias condições.

 

Suspensão

Se o nível de pressão pneumática for demasiado baixo, a carcaça vai aquecer demasiado por estar com uma superfície de contacto maior em contacto com o asfalto e a absorção das irregularidades do solo será insuficiente

Tal obrigará a um desgaste da suspensão muito mais rápido o que, mais tarde, levará à sua troca.

Por outro lado, se o nível de pressão pneumática for muito elevado, as molas e os amortecedores vão sofrer bastante com os impactos.

 

Travões

As travagens, com os pneus em mau estado, podem tornar-se mais longe indesejavelmente mais longas, o que é bastante perigoso.

A explicação prende-se com o facto que o pneu não está em contacto com o asfalto adequadamente, o que origina a ineficácia dos travões.

Pelo mesmo motivo, as maiores vibrações dos pneus poderão deformar os travões, o que afetará o seu funcionamento.

 

Rolamentos

As vibrações dos pneus podem, também, afetar os rolamentos.

Por este motivo, vão produzir muito mais ruído, desconforto na condução.

 

Direção do carro

Por consequência dos fatores anteriores, a direção irá, obviamente, sofrer, criando-se um efeito” bola de neve”. 

Assim, a condução do carro será muito mais difícil e cansativa, pois obrigará a uma constante correção da trajetória do veículo.

Este aspeto é muito perigoso e pode resultar em acidentes.

 

Juntas homocinéticas/de velocidade constante

Provavelmente pelo nome não sabe que peça do carro é, mas passaremos a explicar-lhe.

As juntas homocinéticas são as responsáveis pela transmissão da força do motor, da caixa de velocidades até às rodas do carro.

Com os pneus em mau estado, a eficácia destas não será a esperada, o que vai trazer dificuldades acrescidas à condução e, ainda, barulhos no seu automóvel.

 

Eletrónica

Reunidos e relacionados todos os elementos anteriores, a parte eletrónica do carro teria, como é obvio, de se ressentir.

Os sensores de pressão, com o mau estado dos pneus, vão enviar informações estranhas ou erradas ao computador de bordo, através das vibrações constantes.

Os sistemas de estabilidade e de tração sofrerão, de igual forma, as mesmas consequências.

Assim, não serão capazes de funcionar de modo adequado, o que pode ser perigoso.

Contrate o Seguro por dias para o seu veículo em 5 minutos

Agora é possivel fazer um seguro por dias de forma fácil e rápida, totalmente on-line, a partir de qualquer dispositivo.


Quer receber as nossas notícias?

Estas serão enviadas para o seu e-mail para que possa ler quando quiser.

Nunca compartilharemos seu email com mais ninguém.

Eu aceito as políticas de privacidade