O funcionamento dos automóveis híbridos

E que tipos de híbridos existem

terça, 26 de abril de 2022

Como já deve ter percebido, o mercado automóvel tem vindo a sofrer bastantes alterações um pouco por todo o mundo.

Os veículos elétricos e híbridos vieram para ficar.

Segundo dados da Associação de Utilizadores de Veículos Elétricos (UVE), venderam-se 2400 carros elétricos (100% elétricos e híbridos plug-in) em janeiro de 2022, uma subida de quase 70% em relação ao mesmo mês de 2021.

Assim, já começa a perceber que estes carros têm os seus pontos fortes e são uma opção a considerar, pelo menos para um número crescente de pessoas. 

Hoje, a Seguropordias.pt traz-lhe toda a informação sobre os carros híbridos e o seu funcionamento.

Desta forma, irá poder refletir e perceber se este tipo de veículos são do seu interesse e, até, uma hipótese para uma futura compra, ou não.

Se já está a par de toda esta temática e tem preferência por carros 100% elétricos, damos-lhe a conhecer o nosso Top 5.

 

O que é um carro híbrido?

Um carro híbrido é um carro que se move através de dois motores: a combustão e elétrico.

Dentro destes, existem carros híbridos com motores a gasolina e a gasóleo, embora os modelos gasolina sejam bastante mais comuns.

Assim, um carro híbrido utiliza dois tipos de energia diferentes.

Como se percebe, neste tipo de veículos é possível poupar algum combustível quando o motor elétrico está a ser utilizado, sendo esta uma das suas grandes vantagens.

Como funcionam os carros híbridos?

Como referido anteriormente, os carros híbridos movem-se através de dois motores, um de combustão e um elétrico, que vai utilizar a energia armazenada na bateria.

Esta bateria pode ser carregada através de um sistema que extrai energia das travagens, ou através de uma ficha ligada à tomada da parede (wallbox).

Esta diferença faz com que existam vários tipos de carros híbridos, que explicaremos mais à frente.

Assim, é fácil perceber que o automóvel híbrido combina o melhor dos dois mundos, elétrico e combustão.

Existem modelos híbridos que possuem mais do que um motor elétrico, que possuem as funções de fazer o carro andar, obviamente, e de gerar energia.

Estes carros permitem ao condutor fazer viagens mais longas, visto que, quando termina a autonomia da bateria elétrica, poderá circular com o motor a combustão, enquanto esta vai recarregando.

É, ainda, importante referir que a autonomia destas baterias é relativamente baixa.

No entanto, se apenas pretender circular pela cidade, deverá ser suficiente, não precisando de gastar combustível.

 

Que tipos de carros híbridos existem?

Se está a pensar em comprar um carro híbrido, deve saber que tipos de carros híbridos existem e, claro, qual é o mais indicado para si e para as suas necessidades.

Assim, existem 3 modelos híbridos:

  • Os híbridos convencionais;
  • Os híbridos plug-in;
  • Os híbridos 48V/Mild.

Em que se diferenciam?

Acima de tudo, as diferenças encontram-se nos motores e ligações entre os mesmos.

No entanto, nos híbridos plug-in encontrará uma porta pequena (como se tratasse de combustível) para carregamento e, por aqui, já vai percebendo uma das diferenças chave.

 

Híbridos convencionais

Os primeiros, os convencionais, conjugam os dois tipos de motores e foram os primeiros a aparecer no mercado.

Neste caso, o motor elétrico tem como principal função apoiar o motor a combustão, ou seja, o motor a gasolina é o principal.

Assim sendo, o motor elétrico (secundário) nunca funcionará sem o principal.

O carregamento é feito, apenas e só, enquanto o motor a combustão está em funcionamento, nomeadamente nas travagens ou desaceleração.  

 

Híbridos plug-in

Os híbridos plug-in são o oposto dos convencionais.

Ambos os motores trabalham em harmonia

A grande diferença está, como já demos a entender, na bateria.

A bateria dos híbridos plug-in pode ser carregada numa tomada.

Desta forma, este tipo de automóvel pode circular, única e exclusivamente, com o motor elétrico.

 

Híbridos 48V/Mild

Neste caso, o motor elétrico de 48V apoia o motor a combustão e é mais pequeno em dimensão.

O consumo de combustível é inferior, já que o arranque é feito com o motor elétrico.

Por outro lado, não permite uma condução 100% elétrica.

Contrate o Seguro por dias para o seu veículo em 5 minutos

Agora é possivel fazer um seguro por dias de forma fácil e rápida, totalmente on-line, a partir de qualquer dispositivo.


Quer receber as nossas notícias?

Estas serão enviadas para o seu e-mail para que possa ler quando quiser.

Nunca compartilharemos seu email com mais ninguém.

Eu aceito as políticas de privacidade